Você diz obrigado?

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Vanessa Soares

 

 

Já dizia um autor desconhecido: ‘A vida é um eco. Se você não está gostando do que está recebendo, observe o que está emitindo’. Quando se para friamente para analisar as pessoas ao redor é fácil encontrar aquele que reclama porque está calor demais, porque chove, porque está frio. Tem também os que acham ruim o trânsito lá fora, o transporte público lotado, a falta de segurança, de infraestrutura, do governo que não faz nada para melhorar. Há ainda quem não se dá por satisfeito porque tem trânsito, porque o trabalho é chato, porque o chefe é mal-humorado, porque está desempregado, porque as ruas estão livres, porque o céu é azul. Por mais que pareça inofensivo, reclamar é ciclo vicioso que contagia e está longe de ser a melhor das frequências a se emitir para o universo.

Cansada de se ver empacada, a psicóloga Márcia Luz resolveu fazer diferente. Ao invés de passar os dias reclamando das coisas que, aparentemente, não davam certo, começou a ser grata pelas coisas simples que recebia da vida a partir do momento em que acordava, como a chance de viver um novo dia, o ar que invade os pulmões e permite continuar sobrevivendo, a cama quentinha, o teto sobre a cabeça e por aí vai.
Esse novo jeito de encarar as coisas foi mudando tudo ao seu redor e, o que antes parecia estacionado no mesmo lugar, voltou a andar para frente. Segundo Márcia, quanto mais atenção e energia o indivíduo dedicar a uma coisa, seja ela boa ou ruim, mais será atraído para essa coisa. Logo, sentimentos ruins irão atrair coisas ruins. “Trabalho com esse tema há duas décadas. Quando percebia que as coisas não estavam indo para frente fazia exercícios de gratidão por 30 dias. Foi quando comecei a perceber que esse negócio é realmente poderoso”, relembra.
O raciocínio da psicóloga é mais simples do que parece: todos temos motivos de sobra para agradecer. E após ver as coisas mudarem em sua própria vida, ela resolveu ajudar outras pessoas e criou o método Jornada da Gratidão. “Ser grato é devolver ao universo a alegria pelas dádivas recebidas e, como ele percebe que você gostou, continua ofertando mais do mesmo. Todos precisam fazer da gratidão um hábito. Gratidão é a ferramenta mais poderosa para identificar todas as oportunidades que acontecem à nossa volta o tempo todo e que até então não estavam sendo percebidas”, explica.
Apesar de praticar e indicar o método há muito tempo, apenas no ano passado Márcia decidiu colocar o que aprendeu em formato de curso. Atualmente possui cerca de 6.000 alunos espalhados pelo mundo inteiro. Ao longo de 33 dias, os matriculados participam das aulas, que podem ser assistidas em quatro formatos: presencial, on-line, áudio e vídeo. No fim de cada  aula é preciso colocar em prática, por meio de tarefas, o que foi apresentado.
A psicóloga explica ainda que quando o curso termina, ser grato vira algo completamente natural desde que a pessoa consiga manter a rotina de diariamente agradecer por suas pequenas conquistas. “Todo dia recebo uma média de 20 mensagens de alunos contando que conquistaram alguma coisa. Já vi gente que se curou da síndrome do pânico, que parou de tomar remédio, emagreceu, resgatou casamento, perdoou pessoas. É impressionante”, garante.
 
FAÇA VOCÊ MESMO
Entre os exercícios indicados pela especialista para que o indivíduo aprenda a enxergar o lado bom das coisas está um caderno da gratidão, em que o aluno precisa anotar diariamente dez coisas pelas quais é grato. Além disso, a pedra da gratidão obriga a pessoa, todos os dias, agradecer por uma coisa boa que aconteceu no dia anterior. É fundamental que se comece e se termine o dia agradecendo. “Os exercícios ensinam a pessoa a se tornar melhor. Quando agradeço coisas simples, presto atenção nas boas e fico mais fortalecida para enfrentar os problemas”, comenta.
Quem tiver interesse em saber um pouco mais sobre a Jornada da Gratidão criada por Márcia Luz basta acessar o YouTube e conferir os diversos vídeos disponíveis no canal MarciaLuzTV e na página no Facebook (marcialuz.). O curso tem um custo de R$ 39 mensais pagos durante 12 meses. Para se inscrever, basta acessar o site jornadadagratidao.com.br.



Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2017. Todos os direitos reservados