Agora sim, Feliz Ano Novo

Envie para um(a) amigo(a) Imprimir Comentar A- A A+

Compartilhe:

Alessandra Nunes

NUTRIÇÃO

 

No Brasil costumamos dizer que o ano só começa depois do Carnaval, e, enfim, aqueles planos que fizemos na virada do ano começam a ser colocados em prática. 

Pensando em como podemos melhorar nosso estilo de vida, proponho que nos próximos meses façamos pequenas mudanças. Ao fim,  essas atitudes certamente  resultarão em benefícios para nossa saúde. A seguir, as sete metas a serem seguidas até dezembro: 

1º – prometeu que ia fazer uma atividade física e até agora não se mexeu? Comece agora! É essencial que nosso corpo sempre esteja em movimento e, como primeira resolução, devemos pensar em uma mudança que mostre efeito a longo prazo. É importante escolher um esporte ou atividade prazerosa e que não se torne uma obrigação chata, mas sim uma forma de descontração e manutenção da saúde. Experimente o que precisar até encontrar o que mais se identifica. E para ser mais ativo, vale começar até mesmo dando uma volta por dia no quarteirão. 

2º – depois de um mês de exercícios físicos rotineiros, você está desafiado a comer uma porção de frutas a mais no dia. Além de excelente fonte de fibra, elas possuem nutrientes essenciais para o nosso corpo e devem estar presentes ao menos em três porções diárias. Para pessoas que passam muito tempo fora de casa, uma dica importante é sempre levar frutas já porcionadas em potes herméticos, para não perder suas características e se manter gostosa para quando for comer. Se possível, armazenar em bolsas térmicas ou guardar na geladeira de seu ambiente trabalho.

3º – chegou a hora de se render aos encantos dos legumes e verduras, que, assim como as frutas, são ricos em fibras, vitaminas e minerais. Para aumentar o poder de saciedade, comece as refeições sempre pela salada crua. Você vai perceber que diminuirá naturalmente o volume de comida que coloca no prato. 

4º – bem, você já está fazendo exercícios, comendo mais frutas e legumes, então abandone de vez o refrigerante e bebidas adoçadas. Substitua por águas aromatizadas, chás sem adição de açúcar e sucos de frutas naturais sem adoçar. 

5º – sua alimentação já melhorou bastante e está na hora de prestar mais atenção ao momento da refeição. Então, a ordem do mês é atenção plena ao ato de se alimentar. Para isso, não use celular ou assista TV enquanto come.

6º – comece a dizer tchau para os alimentos feitos com farinha branca – uma das principais mudanças na indústria atualmente é a produção de alimentos integrais, isso porque são ricos em fibras e demoram mais tempo para serem digeridos, proporcionando maior poder de saciedade. Entretanto, é necessário saber se o alimento é realmente integral, pois são integrais apenas aqueles cujo primeiro ingrediente é farinha integral.

7º – se você cumpriu com os desafios anteriores, certamente não precisará fazer dietas restritivas ou seguir planos alimentares sem o acompanhamento de profissional. Mas, se fez todas essas mudanças e seu peso não está legal, a hora de procurar um especialista é agora. 

O que faz uma mudança ser efetiva é o hábito. Não adianta se propor a mudanças que duram apenas um mês. Sempre que for mudar um comportamento, lembre-se de que a persistência é que torna a mudança efetiva. Desejo boas mudanças para você!




Diário do Grande ABC. Copyright © 1991- 2020. Todos os direitos reservados